Posts com Tag ‘alongamento’

Tem gente que adora fazer. Se estica toda, põe perna para um lado, corpo para o outro. Dobra a coluna toda. Consegue ficar em qualquer posição sem esboçar qualquer expressão de dor. Você olha e jura que este ser totalmente flexível trabalha no Cirque du Soleil e está ali na sua frente só pra te provar que sua flexibilidade é uma negação.

Mas, ainda bem, essas pessoas não são maioria e o resto dos seres humanos que frequentam a academia devem ser como você e eu; ou seja, até conseguem dar uma esticadinha, mas com certo sacrifício e sem muito prazer.

Ainda que seja difícil e que as expressões de dor se manifestem em suas faces, muitos atletas amadores fazem suas sequências de alongamento. Atletas profissionais têm obrigação de fazer. Muito provavelmente, você já deve ter visto depois dos jogos (no vôlei tem muito isso), os jogadores voltando à quadra para fazer alongamento. Não, não é à toa. Existe uma razão para isso.

Posições de Alongamento.

Alongamento.

Não existe um consenso sobre se o alongamento deve ser feito antes e depois, ou só antes ou só depois, de qualquer atividade física, mas esta pessoa que aqui escreve para o Muay Thai Mulher pode dizer, por experiência própria: o ideal é fazer antes e depois.

O alongamento é fundamental: antes, para preparar seu corpo para uma atividade; e depois, para que ele relaxe do exercício intenso. Normalmente, as séries iniciais são um pouco mais longas e mais variadas, exatamente para que seus músculos se soltem e consigam ter um melhor desempenho. Já ao final, a série deve ser mais curta, menos intensa e mais voltada para a transição da intensidade para  o descanso.

Como já relatei aqui, eu malho e pratico Muay Thai há muitos anos e tenho a mesma rotina de treinamento (não de exercício); ou seja, vou para o trabalho, vou para a academia, malho, faço Muay Thai ou corro e faço aula de abdominal. Neste processo, durante muito tempo, me alongava durante uns 20 minutos antes de começar qualquer coisa e, depois de tudo, fazia mais uma série de uns 10 minutos. Era chato… É chato. Eu não tenho muita paciência para fazer alongamento, confesso. Mas fazia. E não tinha lesões.

Acontece que o tempo passa, a gente envelhece e precisa se cuidar mais para não se machucar. Porém, da mesma forma, quando se entra nessa rotina e se malha com intensidade, uma hora você acaba se tornando negligente e acha que pode cortar algumas etapas e não afetar em nada seu rendimento. Só que isso não é verdade. O alongamento foi o que eu achei supérfluo e me dei mal.

Já faz alguns meses que só faço alongamento nas aulas de Muay Thai, mas ainda assim, chego atrasada no treino e perco boa parte do aquecimento. Sabe o que eu ganhei com isso? Uma lesão na virilha que está me impedindo de treinar direto. Há umas duas semanas, dei um chute alto sem estar devidamente preparada e senti um incômodo. Não liguei e continuei treinando. Nos dias seguintes, continuei com a dor, até que me machuquei mesmo.

Por isso, meu conselho hoje é esse: não deixe de alongar, nem de se aquecer. Mesmo que você não goste, que ache monótono, não fuja dele! Faça e evite ganhar, de graça, uma lesão como eu ganhei!

E você? Gosta de fazer alongamento? Como é o aquecimento no seu treinamento? Compartilhe!

Anúncios